Assinatura RSS

Orlando e Boston jogo 4: O Começo da reação do Magic

Publicado em

     

Foto: GARY W. GREEN, ORLANDO SENTINEL  

 É gente finalmente o Orlando Magic acordou para a vida e resolveu jogar, tudo bem que precisou de prorrogação mas ganhou.

   Rashard Lewis pela primeira vez nessa série pontuou acima dos 10 pontos, Jamer Nelson  estava num dia ótimo, Howard muito bem, mas vamos falar do jogo primeiro…

    O Orlando começou muito bem o jogo, Jamer Nelson partia para cima e Mat Barnes logo tratou de acertar duas bolas de três, o Orlando pela pirmeira tentou infiltrações, Rashard  Lewis acertou uma bola de 3, Howard fazia o de sempre recebia do Nelson e enterrava na cara, Paul Pierce jogava pelo time todo fez 12 pontos e numa bola de 3 com Lewis o Orlando terminou pela primeira vez ganhando o primeiro periodo por 32 a 26.

   O segundo quarto foi equilibrado, um ponto que chamava a atenção era que o armador Rajon Rondo cometia rapidamente sua terceira falta e não estava jogando como Rondo, não infiltrava como ele costuma infiltrar e foi para o vestiário mais cedo com uma lesão na coxa, com Howard e Nelson inspirados o Orlando foi para o vestiário 51-47 a seu favor no placar.

   Começo do terceiro quarto o Orlando era melhor até Dwight Howard cometer sua 4 falta, o Celtics encostavam no placar até que chegoua virar com os lances-livre certeiros de Ray Allen o Celtics tomou a vantagem do placar, o detalhe é que o Orlando guardou a maioria dos titulares para o último quarto, e por isso o Celtics terminaram vencendo por 68-67.

  Começo do ultimo e derradeiro quarto e pra variar ele Rasheed Wallace levou uma falta técnica, J.J Redick estava com a mão quente e o Orlando virou o jogo, após uma enterrada monumental do Howard que ainda sofreu falta do Glen Davis, o Orlando abriu 85-78 faltando 02:24, pena que Paul Pierce e Ray Allen trataram de dificultar a missão do time da Disney, no último minuto os times não  pontuaram, quase não arremessaram e o jogo terminou empatado e foi para prorrogação.

   Na prorrogação quem brilhou foi Jamer Nelson que fez duas bolas de 3 na sequência e o Orlando abriu 6 a 0, Ray Allen mais uma vez o “Ice-man” acertou bolas de 3 nas horas decisivas, pena que o Super-Man, Dwight Howard estava enterrando tudo, e nos últimos segundos Paul Pierce não acertou as bolas necessárias e o Orlando terminou vencendo por 96 a 92.

  Como diria Zé Boquinha ” A vaca da Flórida levantou” agora quarta-feira o 5° jogo da série agora em Orlando.

   Pelo Orlando o Super-Man, contribuiu com 32 pontos e 16 rebotes, Jamer Nelson fez 23 pontos e contribuiu com mais 9 assistências, vindo do banco J.J Redick fez 12 pontos.

  No Boston, Paul Pierce fez 32 e Ray Allen fez 22 pontos.

   Melhores Momentos de  Orlando 96 e 92 Boston.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: